De volta ao tema popular: o tabaco

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

De vez em quando, cai um comentário num dos meus diversos posts sobre tabaco, feitos ao longo dos anos. Geralmente são fumadores a chamar-me nomes, sugerir que preciso de uma namorada ou ameaçar que me batem ou me fumam para cima ou me apagam cigarros na testa. Tudo muito civilizado.

É, portanto, um tema sempre em voga e o mesmo pode dizer-vos o Nuno, que também recebe visitas no seu blog nos posts sobre este assunto. Foi precisamente no último post do Nuno que vi o link para uma notícia do Público que confirma que vai ser proibido fumar no Colombo.

Eu e diversos outros não-fumadores que escrevem por aí no blogododecaedro demonstraram uma certa desconfiança em relação à tal nova lei que sai já em Janeiro e que, deixou nas mãos dos proprietários decidir se querem ou não fumo nos seus estabelecimentos. Mas, ao que parece, a coisa não é assim tão linear porque para optar por ter um espaço para fumadores, é preciso instalar um sistema de extracção de fumos como deve ser e parece que mais proprietários vão optar por ser para não-fumadores porque não estão para estar a instalar o tal sistema.

Curiosamente, agora que penso nisso, a obrigatoriedade de tal instalação talvez explique o encerramento para obras, nos últimos dois meses, de três dos sítios onde costumava ir comer: o Cinderela, o Telheiro e o Maison du City. Estarão a instalar sistemas de extracção de fumo?

Talvez sim, talvez não. Não sei, mas não me interessa muito, porque ultimamente praticamente só almoço no Monumental, porque é mais barato. Mas, segundo a nova lei, sendo o Monumental um espaço comercial, terá que ser interdito a fumo ou criar zonas, fisicamente separadas, para fumadores, com a tal extracção. Será que o vai fazer?

E os outros todos, como, por exemplo, o Almada Forum?

Espero para ver.

[tags]tabaco, nova, lei, fumo[/tags]

Tags

Deixar comentário. Permalink.

3 comentários a “De volta ao tema popular: o tabaco”

  1. Se até em espaços abertos o fumo me incomoda, quanto mais em espaços fechados. É que quem vem atrás de um fumador na rua, acaba por levar com aquilo tudo, até que o passeio seja suficientemente largo para efectuar uma ultrapassagem, sem que no entanto se corra o risco de vir alguém em sentido contrário.

  2. Rui Moura says:

    Resta saber quem é que vai fiscalizar essa obrigatoriedade de possuir condições exigidas por lei para ter área de fumadores. É que já estive em muitos cafés que nem extractor de fumos têm, quanto mais em condições exigidas pela nova lei …

    Honestamente ainda estou muito reticente em relação a isto. Espero para ver, mas não tenho a mais pequena esperança que a coisa avance como, por exemplo, em Espanha (não estou a comparar a lei à Espanhola, mas em Espanha a lei que foi feita foi implementada, e bem)

  3. Macaco says:

    Rui, a nova lei só entra em vigor dia 1 de Janeiro, portanto é natural que ainda não vejas cafés com o tal equipamento. Mas já se vêem alguns em obras para o instalar.

    Quem não o tiver, a partir de Janeiro, não poderá optar por ser um estabelecimento onde se pode fumar.

    Quanto a cumprimentos e fiscalização, estamos conversados, mas talvez a caça à multa (ou neste caso diz-se coima?), motive.

Responder a Rui Moura

Redes de Camaradas

 
Facebook
Twitter
Instagram