Alérgico ao trabalho

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

Sou alérgico ao trabalho.

Não a trabalhar o trabalho propriamente trabalhado, mas a tudo o que o rodeia: levantar cedo, cumprir horários, respeitar prazos, fazer o que me mandam, almoçar a horas certas, não ter tempo para nada, etc.

Como é que eu sei? É fácil: o trabalho põe-me doente.

Na segunda-feira da semana passada, dia 23, vim trabalhar como sempre. Por volta da hora de almoço comecei a ter cólicas e tive que ir à casa de banho, depois tive que ir outra vez e depois outra vez… até tomar um imodium e fugir para casa.

Passei a tarde na cama e quando me levantei estava enjoado e com dores de barriga. Mais tarde acabei por ficar com febre. Na terça tinha grande parte dos sintomas da gripe: dores de cabeça, dores no corpo, moleza generalizada, febre, tosse e por aí fora.

Quarta-feira ainda fiquei em casa e na quinta, que foi feriado, ainda não me senti completamente bem. Trabalhei na sexta e depois foi o fim de semana.

Bom, a diarreia passou e fiquei melhor.

Melhor, isto é, até segunda-feira. Assim que voltei a uma semana de trabalho, comecei logo a sentir-me mal de manhã, cheio de dores de barriga e acabei por ter que ir várias vezes à casa de banho. Hoje, terça-feira, já estou com cólicas novamente.

Tenho pensado que preciso de alterar a minha alimentação, ou algo do género, mas a verdade é que tenho que deixar de trabalhar!

Tags

Deixar comentário. Permalink.

9 comentários a “Alérgico ao trabalho”

  1. Dave says:

    Eu também sofro desses problemas… o pior é que onde trabalho não há WC!
    Há um tempo resolvi fazer qualquer coisa em relação a isso e fui a uma consulta de acunpunctura. Depois de umas sessões e com uns remédios à mistura (e também com mudanças na alimentação) as coisas lá ficaram bem.
    Mas assim que deixei as consultas, devagarinho voltou tudo ao mesmo…

  2. Macaco says:

    Não há WC onde trabalhas?! Onde trabalhas tu?

  3. Pedro Rebelo says:

    Pois… Virus???
    Pela descrição parece-me bem mais provável do que alergia ao trabalho…

    Tomaste um Imodium? Parabéns pela coragem.
    O ano passado, devido a uma dessas situações complicadas de que não vamos aqui falar, uma médica deu-me tal horror para tomar. Jurei para nunca mais. Resolveu o problema mas criando um ainda maior. Quer dizer, normalmente não tenho problemas nesse sentido e vou de visita ao WC 4 ou 5 vezes ao dia. Pois estive 3 dias sem lá ir e ia morrendo.

    Imodium??? Nunca mais.

  4. Macaco says:

    É claro que é muito provável que desta vez tenha mesmo apanhado um vírus qualquer, mas as minhas cólicas e desconforto intestinal são diários – mas apenas nos dias úteis.

    Quanto a Imodium, ando sempre com ele… e se desta vez tomei um, já tenho tomado dois. E de facto a coisa pára completamente durante tempo suficiente para o problema se inverter.

  5. Dave says:

    Essas cólicas diárias podem ter origem no stress dos dias úteis… além da já referida alimentação.
    Por enquanto ainda não encontrei uma solução definitiva para o problema (e duvido que exista), mas assim que puder volto às agulhas :P

  6. marciana says:

    Pedro, e se fosse possível o teu médico passar uma declaração a dizer que és de facto alérgico ao trabalho? Entregavas ao teu boss, recebias o salário e ficavas em casa no anti-stress… =)
    parvoíce, eu sei …

    As melhoras ** :)

  7. Fernandes says:

    Marciana,

    Isso não é nada parvoice, na Holanda, pais onde vivi ultimamente isso é muito natural, e não há mais perguntas!

  8. vitoria says:

    Sou alergica ao trabalho ,o que foi ja constatado por junta medica…a tal ponto que estou precocemente reformada…mas é derivada de ter uma depressao profunda entre outros problemas…

  9. Crisóstemos says:

    eu sou alergico ao trabalho mesmo mas mesmo ao trabalho porque vir para o trabalho e fixe, pois venho foder a minha engenheira e mais uma colega de trabalho por isso o trabalho e fixe

Deixar um comentário

Redes de Camaradas

 
Facebook
Twitter
Instagram