Yet another shitty day

Publicado em , por macaco

O dia j comeou mal, so 9:50, o que significa que devia estar a chegar ao Arco e no aqui a escrever o meu log. Ainda por cima no consigo telefonar para l a avisar que esperem por mim.

Nem por sombras vou chegar a horas, no mnimo com ma hora de atraso… seca :/

11:15

H sempre dias lindos assim. Primeiro levantei-me tarde demais para chegar a horas ao arco. Certo. Telefonei a avisar que esperassem por mim e fui-me despachar.

Como tinha mesmo que comer (ainda por cima viria a no almoar, embora ainda no o soubesse, claro….), fui arranjar isso mesmo: qualquer coisa para comer (o que c em casa est a ficar escasso). O leite ferveu, claro. Ficou quente demais (o que me atrasou mais um pouco) e sujou o microondas todo. Comi o mais pressa que pude e pirei-me… ou ser que pirei? No pirei.

Claro que tinha que me dar a habitual dor de barriga e l vou eu para a casa de banho.

Pronto. Acabei por sair. No largo da Piedade aguardava-me o autocarro que me poria em Cacilhas a tempo de apanhar o barco das 11… 11 em Cacilhas, 11:10 em Lisboa… 11:20 no arco = 1:20 de atraso. Podia ser pior.

Claro que foi a que me entrou qualquer coisa no olho esquerdo. No era uma pestana, no sei o que era, mas doa como o caraas e fez-me perder o tal autocarro e, claro, o barco.

Os senhores da TT acham que a partir de uma certa hora da manh j ninguem vai trabalhar e que, portanto, s so precisos barcos de quarto em quarto de hora. Por isso aqui estou sentado a escrever no meu palm pilot analgico (leia-se: papel), espera do barco das 11:15. Duvido que ainda tenha l alunos…

fim do dia

Tinha alunos afinal, esperavam pacientemente pelas aulas. As aulas correram OK. Quando fui almoar baixa encotrei a Carla e a Dalila na sua busca de casas para a Carla. Ao que parece j tinham encontrado uma.

Em vez de almoar fui com elas ao Chiado, ver a nova Valentim de Carvalho que pura e simplesmente gigantesca. S no fiquei parvo porque j estive em lojas maiores em Londres. Mas enfim, bastante grande… no tive tempo de a testar completamente (ou seja, ver se tem muita coisa, ou coisas estranhas e dificeis de encontrar). Compre o novo do Steve Vai, nespero que no seja muito mau.

Voltei para o arco para mais uma ronda de aulas, desta vez com os alunos do primeiro ano que ainda esto muito calmos (tensos?).

Depois a Dalila foi ter comigo e ainda fui apanhar uma seca para a Top Shop onde ela experimentou 14.532 artigos, para traser um simples colete, daqueles que so o inverso de um colete, ou seja, um colete tem tronco, masno tem mangas, isto tem s mangas.

Passmos de seguida pelo novo centro comercial que ocupa os antigos armazns do Chiado. achei giro, embora um pouco apertado. Estava cheio de gente (j tinhamos tentado l ir hora de almoo, mesmo ao lado da VC, mas nem conseguimos entrar). O mais giro que estava cheio de velhadas. Devem ter vindo ver como estavam os, finalmente, reabertos armazns do Chiado. Claro que j no tem nada a ver.

At ouvi uma dela comentar, “ah aquilo j no como era, que tinha desde as panelas aos cristais)…. ela no percebe que, de certo modo at , s que em lojas separadas (no, no reparei se havia lojas de panelas e lojas de cristais).

Reparei sim, que se viermos pela rua do Carmo damos com a VC, onde foi fugazmente a Printemps, seguido dos armazns do Chiado e depois… uma FNAC… e acreditem aquilo vai ser MUuuuuuuuuito grande! Vai ser ENORME! Vai ser maior que a do Colombo. esperar que abra… vamos, portanto ter a Virgin nos Restauradores e depois ali no Chiado uma mega-mgea-vadeca e uma mega-mega-fnac… vai ser lindo. Alguma ter que estoirar, concerteza…

Voltmos para casa, pedimos o carro emprestado aos meus pais e fomos para o vet. As gatas esto a melhorar. Foi um dia longo como o caraas e amanh tenho trs reunies.

Comentar

Tags

Another day

Publicado em , por macaco

Hoje o dia comeou uma seca outra vez. Arrancado da cama por trabalho… Depois algum a tentar mandar um fax que no passava, no entanto a situao melhorou bastante quando

E ento, a minha disposio melhorou um pouco, o que no mau.

O meu Telemvel est a pifar, o que no to bom… tenho seriamente que comear a pensar em troca-lo… se calhr hoje devia dar um salto Telecel, acho que no est a chover hoje… ainda no olhei l para fora…

16:30

Raios, estive fora tempo demais, dei completamente cabo da tarde.

Fui a casa dos meus pais buscar o tal cheque de 600 mocas. Dpois fui a BES ali perto fazer o depsito e chatear o pessoal do atendimento personalizado. Acontece que me quiseram transformar uma conta “em movimento” numa conta “profissional”. Bom, a profissional tem duas contas, so as duas ordem, mas a segunda d mais juros e s lhe podes aceder fazendo primeiro uma transferncia para a primeira.

O problema que eu perguntei ao idiota que me fez esta tranformao de contas pelo telefone h umas duas semanas, se o meu carto actual me ia permitir mexer na nova conta. Ele disse que sim.

Mentiu.

No d. A nica maneira de trsnferir dinheiro entre a conta “ ordem” e a conta “de poupana” no banco ou pelo servio telefnico dos gajos. J pedi este servio duas vezes e das duas vezes eprdi os cdigos. Caguei e disse “quero outro”. e zs… l me fizeram ourto. Agora tenho um novo carto de acesso telefnico a essa conta… que seca. Nem 100 contos l tenho… :/

O que me leva ao Nokia 5110 que a senhora da Telecel me mostrou na minha paragem seguinte (loja da telecel, j se v), bonito, discreto e pequeno, mas custa 40 mocas. A opo um Mobicom igual ao do Nelson, mas acho que fiquei mesmo com os olhos no Nokia. Vou ter que pensar longamente.

Claro que o teria comprado sem hesitar se no tivesse que pagar mais 25 contos aos filhos da puta dos impostos… em pagamentos por conta este ano levam-me 75 contos… dava para o telefone e sobrava. Melhor: podia meter o meu chip actual no novo Nokia e ficar com o mesmo nmero.

Bem, para afogar as mgoas fui comprar kilo e meio de tremoos e agora aqui estou com eles e uma cerveja. Mas, ao que parece, tenho que trabalhar…

Nota: j recebi um mail do Pedro por causa do censurado acima… hum… se calhar melhor tirar, seno ainda me vo obrigar a explicar.

17:10

Acabei de ter que telefonar a uma colega do Arco dizer-lhe que no tinha tempo para dar umas aulas que tinhamos combinado. Fiquei pior que estragado. Ela super-simptica e as aulas eram giras, mas eu simplesmente no ia conseguir ter tempo… isto est um caos. Um daqueles momentos baixos do dia.

Telefonei Dalila para compensar. S para dizer coisas parvas, gostava que ela estivesse aqui.

21:59

As ltimas horas foram fabulosas. Consegui criar 9 imagens novas para um dos nossos trabalhos. Nove! E ficaram todas boas… algumas excelentes e, tanto o Nelson com a Patrcia, gostaram! Ah, nada melhor que o doce sabor do sucesso.

Agora vai dar o X-files, portanto durante uma hora a minha vida pra e eu babo-me descontroladamente cada vez que a Gillian Anderson entra em cena.

0:18

Eu sei, eu sei, passa da meia-noite, devia ser outro dia, mas isso s conta se eu j tivesse ido dormir.

No gostei muito do episdio do X-Files… foi escrito pelo David Duchovny e… no metia muito a Scully. Quer dizer, tinha uma cena gira da Scully no fim e umas cenas giras da Scully no princpio, mas o resto do episdio era sobre baseball… os americanos quando se pem com o baseball, geralmente, perdem a minha ateno.

Bom, agora vou trabalhar, tenho que preparar as aulas de amanh, para no chegar l de moes a abanar.

1:57

Raios, que isto custa… bom, j planeei o ano todo com quatro exerccios para o segundo ano, tempo de execuo, tema e etc. O Primeiro exerccio tambm j est todo escrito e calendarizado e o raio. Amanh comea a srio. Quanto ao primeiro ano, vou improvisando pelo caminho, como fiz o ano passado…? Ainda no decidi, mas amanh vai ser assim. Hiper bsico, vo ligar o computador, criar pastas, correr programas, criar e apagar ficheiros…. mexer no rato, enfim…

Agora vou tentar dormir. Gostava muito de no acordar a Dalila que tem que se levantar s 6 para ir ter com a nossa amiga Carla que vai para Lisboa ver casas para alugar… mas vou acorda-la de certeza. Merda.

Este ano tenho 31 aulas para dar no arco.

PS – as melhoras da constipao para o Paco.

Nota assustadora: ontem quando acabou o Boavista/Benfica (1-1) estava com febre… no… mesmo com febre. Mas no estou doente, hoje… isto grave, mas acho que foi da bola. :)

Comentar

Tags

Greyday

Publicado em , por macaco

Que seca, hoje… acho que nem me lembro bem o que fiz… que raio fiz eu? Nada.

Estive a tentar tirar umas dvidas de mySQL com o Nelson, que acho que solucionmos relativamente bem, so para criar um frum online. Que seca.

Os meus pais passaram por c e vieram trazer umas lembranas do Egipto. Trouxeram um pequeno tambor e uma coisa que que eu no percebi bem o nome… rebarba, ou rebaba, no sei… tem um brao com uma caixa de som no fundo e duas cordas esticadas e toca-se com um arco. J consegui tirar um ou dois sons de jeito daquilo, mas parece difcil de tocar. Trouxeram mais umas coisas giras, incluind um ankh gigante de metal para a Dalila.

Depois foi o Benfica-Boavista que me obrigou a ir tomar o meio Pacinone a meio… o Benfica estava a ganhar um a zero e o Enke (guarda redes), at um penalty defendeu, mas os filhos da me do Boavista acabaram por marcar um golo e acabou em 1-1. Seca. Ainda por cima o Benfica esteve mesmo a marcar um golo, daqueles que no se percebe… o jogador consegue, estando de frente para uma baliza aberta de 3 metros por 7 atirar a bola por cima… enfim, deve ter a ver com a maneira como metem o p bola.

Mais ou menos a meio do jogo chegou o meu cunhado. Esteve c um bocado, Which was nice.

A conversa que tive com ele ajudou um bocado a perceber porque me tenho andado a sentir to merdoso ultimamente… esta histria da nitro e do escritrio, do futuro e dos empregados, enfim, coisas que no vou escrever aqui, mas que ficaram mais claras depois de falar um bocado com o Pedro, tambm um pouco sobre a Mquina e tal…

Comentar

Tags

Putas das tabuletas

Publicado em , por macaco

Hoje foi um dia porreiro, interessante, nalguns aspectos.

Levantá-mo-nos tarde, claro. Peguei num CD com jogos que um aluno do arco me gravou para experimentar. Experimentei um chamado Gruntz, pareceu-me giro, era um jogo com vista de cima e uns bonequinhos que nós tínhamos que guiar nas suas diversas tarefas dentro de puzzles com botões e objectos e algumas lutas para travar com o inimigo. Giro.

A Dalila também gostou e passámos a tarde toda a jogar. Não fizémos mais nada: jogar, jogar, jogar. Confesso que comemos qualquer coisa, mas já nem me lembro o quê.

Ao princípio da noite, meti-me no Rover e fui buscar a minha irmã a uma qualquer festa de anos. Fomos para o aeroporto de Lisboa buscar os meus pais que vinham do Egipto.

Chovia a potes (como aliás o resto do dia) e não se via boi. Fiz entradas e saídas de estradas e entroncamentos sem olhar. Não valia a pena olhar: não se via. Fomos andando pelo eixo Norte-Sul até à segunda circular, lendo todas as tabuletas com extrema dificuldade e já apenas quando estávamos em cima delas.

Quando finalmente dizia “aeroporto/chegadas”, para a direita, houve um momento de confusão… à frente não se via nada, nenhum sinal de uma saída. De repente a única coisa que vi foi que esta a ir de frente contra um separador. Um separador sem qualquer espécie de sinalização, nem um reflector, nem placas de indicação de direcção: NADA. Ou seja: ou subia o separador, ou me desviava. Desviei-me.

Para a esquerda.

Claro que, como já perceberam, o aeroporto era para a direita. Na bomba da Galp onde parámos um pouco mais à frente para pedir ajuda, o homem com quem a Marta falou disse logo as direcções… imagino a quantidade de gatos pingados que lhe aparecem ali a dizer “olhe… deixei passar a saáda para o aeroporto, e agora?”.

Bom, ele lá explicou que subíssemos o viaduto em frente, que dava uma volta de 180 graus e nos poria na segunda circular, só que desta vez em sentido inverso e que, obviamente, a primeira à direita era o aeroporto.

Assim fizémos…. problema: assim que descemos do viaduto, logo ali, havia uma primeira à direita… não só isso como dizia “aeroporto”. Mas não era por ali, acreditem. Vimos a placa de “está a sair de Lisboa”, parámos, demos meia volta e acabámos por ir dar ao aeroporto. Toda a gente chegou bem do Cairo.

Um dia destes, alguém com os olhinhos muito abertos, devia ir dizer aos senhores deste país, que é muito bonito darem 8 milhões de contos à Guiné e gastarem um balúrdio a construir estádios para o Portugal 2004… mas podiam também dizer-lhes que NÃO CUSTA NADA GASTAREM UNS TOSTÕES NUMA MERDA DUMAS PLACAS E REFLECTORES NA PUTA DA SEGUNDA CIRCULAR QUE SE PERCEBAM!

Pronto. Voltei para casa e a Dee estava ainda a jogar Gruntz e ainda jogámos mais um bocado, depois fomos dormir.

Comentar

Tags

O meu site na Digito

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

12:49

Tempo curto… estive a recuperar a primeira tira dos especialistas que desenhei, há bem mais de um ano atrás… interessante como pintada e tal se integra perfeitamente, incluindo a história que bate certo com o que temos andado a fazer. Vejam-na em http://www.nitrodesign.com/especialistas/

Agora ainda tenho que ir ao banho e pirar-me para Lisboa. Duas reuniões: uma para trabalho em curso, outra de cliente novo (mais um!).

23:42

Acabei de acordar meio atravessado na porcaria da cama, com o pescoço todo torcido. Odeio deitar-me ao acaso…

Enfm, o dia foi longo, tive as tais duas reuniões, andei de táxi ouvi um fado da Amália que dizia “não deixarei de viver”. Mentira, morreu a semana passada.

Enfim, reuniões OK, longas mas OK… depois de dormir uma soneca vim ver o mail… o Chichorro ameaçava que o meu diário ia para a Digito… “bah!”

Mas depois fui ver e está lá mesmo! O filho da mãe! Uqero dizer… obrigado pela crítica favorável e tal…

http://www.digito.pt/web/index.html

Espetou lá a minha foto e tudo, mas, Pedro, se calhar não valia a pena falares assim da Ripley à bruta :( Mas olha: um abraço. Adorei o pormenor da foto, vai concerteza toda a gente ficar apaixonada por mim :)

Entretanto estamos com um problema, um que me parece impossível de resolver: a Scully insiste em virar o prato da água de pernas ao ar. Nada a fazer… enchemos aquilo de água e Zás: ela entorna… ainda não compreendemos, será preciso um psiquiatra de gatos?

Comentar

Tags

Yet another shitty day

Publicado em , por macaco

O dia j comeou mal, so 9:50, o que significa que devia estar a chegar ao Arco e no aqui a escrever o meu log. Ainda por cima no consigo telefonar para l a avisar que esperem por mim. Nem por sombras vou chegar a horas, no mnimo com ma hora de atraso… seca :/ […]

Ler o resto

Another day

Publicado em , por macaco

Hoje o dia comeou uma seca outra vez. Arrancado da cama por trabalho… Depois algum a tentar mandar um fax que no passava, no entanto a situao melhorou bastante quando E ento, a minha disposio melhorou um pouco, o que no mau. O meu Telemvel est a pifar, o que no to bom… […]

Ler o resto

Greyday

Publicado em , por macaco

Que seca, hoje… acho que nem me lembro bem o que fiz… que raio fiz eu? Nada. Estive a tentar tirar umas dvidas de mySQL com o Nelson, que acho que solucionmos relativamente bem, so para criar um frum online. Que seca. Os meus pais passaram por c e vieram trazer umas lembranas do Egipto. […]

Ler o resto

Putas das tabuletas

Publicado em , por macaco

Hoje foi um dia porreiro, interessante, nalguns aspectos. Levantá-mo-nos tarde, claro. Peguei num CD com jogos que um aluno do arco me gravou para experimentar. Experimentei um chamado Gruntz, pareceu-me giro, era um jogo com vista de cima e uns bonequinhos que nós tínhamos que guiar nas suas diversas tarefas dentro de puzzles com botões […]

Ler o resto

O meu site na Digito

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

12:49 Tempo curto… estive a recuperar a primeira tira dos especialistas que desenhei, há bem mais de um ano atrás… interessante como pintada e tal se integra perfeitamente, incluindo a história que bate certo com o que temos andado a fazer. Vejam-na em http://www.nitrodesign.com/especialistas/ Agora ainda tenho que ir ao banho e pirar-me para Lisboa. […]

Ler o resto

Redes de Camaradas

 
Facebook
Twitter
Instagram