Macacos sem galho

Team Fortress

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

Hoje apareceu por cá o Cunhado durante a tarde e trouxe o recém lançado beta do novo mod de Quake III – Quake III Fortress.

É simplesmente genial. É quase indescritível. A maneira como o Quake está completamente alterado através de um mod só mostra como o jogo original é uma peça de software brilhante que possibilita obras primas do gameplay como esta.

Esta maravilha da técnica presenteia-nos com um jogo que Quake completamente novo. Nele podemos jogar como uma de 9 classes, de Scout a Engineer, de Soldier a Spy. Existem dezenas de armas diferentes, novas. Fora as diversas granadas, a possibilidade de construir torres de metralhadoras/rockets para defender a base…

O que ainda nos deu mais gozo foi jogar como Sniper. Uma classe razoavelmente leve, não muito rápida, mas não muito lenta, com pouco armor e só 90 de health máximo, mas equipado com uma sniper rifle com mira laser, que permite os frags mais fabulosos que alguma vez já fiz em Quake.

O Cunhado tb trouxe um demo de um novo jogo baseado no Engine do Quake, chamado Soldier of Fortune… este é um festim. Provavelmente o jogo mais violento que alguma vez jogámos. Com um realismo creepy, mesmo. Tipo disparar contra pessoal já no chão e os corpos saltarem, pernas a voar com tiros de caçadeira, sangue a espirrar de onde quer que acertemos com os tiros… enfim, sangue e gore a toda a força.

Mas o que realmente divertiu mais foi a jogatana de Q3F até às quatro da manhã… como sniper ou como minigunner, como engineer ou como medic… tudo é possível.

Aí algures no meio os meus sogros vieram fazer uma visitinha e depois fomos todos jantar fora ao italiano. Estava bom, como sempre. Ainda viemos cá a casa beber um café e depois o C., como já disse, ficou a jogar Quake hasta las tantas, fui-me deitar com o dedo de gatilho nervoso….

Tags

Deixar comentário. Permalink.

Leave a Reply

Temas

Categorias