Bem vindos à Igreja Cristã de Myspace

Publicado em , por Pedro Couto e Santos

Como já mencionei várias vezes, há uns meses fui expulso do Planet Geek por ser ateu. Ao que parece o My Space, apesar de uma dimensão totalmente diferente, funciona precisamente da mesma forma.

É, ao que parece, uma organização religiosa. Religiosa, mas não só: especificamente cristã.

Falo, evidentemente, do grupo “Ateus e Agnósticos” (Atheist and Agnostic Group), que foi apagado pelo serviço sem aviso e sem que tenha violado de maneira alguma os termos de utilização.

O grupo constava de 35 mil utilizadores que ali partilhavam as suas ideias dentro das regras de utilização do My Space, mas alas, os não crentes pelos vistos não têm lugar nem no céu, nem na santidade desse grandioso social network.

A notícia pode ser lida aqui, em detalhe.

Eu cá gostava era que viesse rapidamente o julgamento, para que os crentes sejam levados para o céu e nos deixem a todos em paz! 

[tags]ateísmo, religião, myspace[/tags]

Tags

Deixar comentário. Permalink.

4 comentários a “Bem vindos à Igreja Cristã de Myspace”

  1. JP Velhote says:

    Ateu?! A empresa devia tirar-te o subsídio de *NATAL!!!*.

  2. Macaco says:

    Queres dizer o subsídio do solstício de inverno?

  3. Joao says:

    Julgo que um ateu é uma pessoa de fé que ainda não o descobriu. Um crente em algo que ainda não encontrou. Não especifico que fé, que crença, podem ser muitas.
    Há uma dimensão de existência que ultrapassa em muito a matéria e a vivência puramente física dos dias, que nos remete para a espiritualidade, e causa-me interrogação haver quem viva sem essa dimensão. Obviamente isso não obsta a que quem assim viva seja uma pessoa decente, bem formada, com princípios e valores.

    O mais engraçado, Pedro, é que ao contrário do que possas pensar o acesso ao céu não está reservado aos crentes. E mais, se estivesse talvez fosse muito vazio. Acredito que a hipocrisia seja uma das coisas que afasta as pessoas e as reforça no ateísmo, mas a hipocrisia não está no conceito de Igreja nem na fé nem em Deus, está naqueles que se dizem crentes em algo, nas pessoas. Se eu for hipócrita estarei a transmitir uma ideia errada de algo em que acredito e eventualmente o meu “público” tomará o todo pela minha imagem.

    Bom, mas isto são alguns pensamentos avulso, não estou com isto a querer iniciar discussões nem conversões de espécie alguma, desagrada-me o tom em que conversas destas costumam caír, o que normalmente acontece quando os dois lados se tentam impôr. É por isso que deixei de participar, há muito, em conversas sobre fé/religião em fóruns, porque vai dar sempre ao mesmo. :) Como futebol e política. (mas da parte do futebol eu não sofro, e da política menos)

    Paz! :-)

Deixar um comentário

Redes de Camaradas

 
Facebook
Twitter
Instagram